quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Ser decente e bem sucedido em uma sociedade suja. Ou: memórias do pai do sapo.



1977
Três grandes bonequeiros reunidos no palco do Muppet Show:
esquerda: Dave Goelz animando Gonzo
centro, palco:
Edgar Bergen com Charlie McCarthy
direita: Jim Henson animando Kermit e Camilla (a galinha)
Atualmente se vê no Brasil (e em muitos outros lugares do mundo), pessoas desonestas e mentirosas em posição de poder e liderança. 

Diante disso, muitos se perguntam: -Vale a pena ser decente?
Ou mesmo: - Como educar meus filhos? Vou ensinar eles a serem decentes? Vale a pena?


Bem, se você ainda não percebeu, dentro de você, o poder de ser uma pessoa do bem, procure melhor. Porque nada substitui a força, o amor e a paz que tem fonte em nosso interior.

Mas você pode achar que ser bem sucedido não combina com ser honesto e virtuoso. Então, veja este depoimento de Dave Goelz sobre Jim Henson. Pra quem não sabe Jim Henson foi um empresário e artista muito bem sucedido. É conhecido por ter criado o Muppet Show e os bonecos da Vila Sésamo, mas s
oube também administrar muito bem o próprio talento e montar empresas e negócios altamente lucrativos. Sempre com integridade, respeitando o público e as pessoas com quem trabalhava.
Dave Goelz trabalhou com Henson por muitos anos e diz o que segue. É muito simples, mas pode ser essencial para você lembrar que não vale a pena desistir de ser uma pessoa íntegra. E alguém vai lembrar de você com Amor, e como um exemplo:


Dave Goelz: - Jim teve cinco filhos próprios e, por natureza, ele era extremamente brincalhão. Ele se relacionava bem com crianças porque ele podia acessar sua própria criança interna. O que era fascinante é que ao mesmo tempo em que ele conseguia atuar como um astuto homem de negócios, ele conseguia integrar a brincadeira no processo.

Eu agora tenho minhas próprias crianças. E comecei a acreditar que todos nós nascemos perfeitos. Bem, não absolutamente perfeitos, mas com certeza completamente sem maldade. Como pai, um dos meus objetivos é conseguir educar minhas crianças para sobreviver neste mundo sem perder as qualidades de criança: inocência, confiança, otimismo, curiosidade e decência.Tenho certeza que é possível, porque Jim era a encarnação viva disso.