sábado, 30 de março de 2013

Chato só tem duas dimensões.


Aí o sujeito diz que isso aqui é uma animação 2D...





E eu digo: -Ah... Sei... Só tem altura e largura... Sei...

Pra quem domina o idioma do bardo e tiver interesse, tem um post do Michael Ruocco no Brew, analisando essa animação clássica do Milt Kahl. Basta clicar na imagem abaixo. Quando eu comecei a estudar animação, 40 anos atrás, não tinha nem vídeo cassete. Mas tinha uns super-8mm com alguns minutos de duração, e dava pra estudar a animação quadro a quadro nos editores de montagem, umas caixinhas de plástico com uma lâmpada e uma lente. Estudei muito essa sequência. 





E pode procurar:
Você não vai encontrar NENHUMA animação CG3D com esse pêso, essa aderência ao solo, essa expressividade.


E se quiser ler um post antigo que escrevi sobre essa bobagem 3d/2d, 
clica aqui: 2D: O Equívoco sem Profundidade


Um dia ainda retomo esse assunto. Tem algumas coisas mais pra considerar, sobre porque é útil tanto pra um animador como para um diretor de animação, seja de desenho animado, seja de imagem de síntese, aprender quando REALMENTE é 2d.




1 comentário:

  1. Ah, eu acho tão fantástico isso. Quando li no livro do Walt Stanchfield "Dando vida a desenhos" algumas análises de poses do personagem "Tigrão" foi como água no deserto para mim. E vou emprestar esse livro amanhã, já estou com saudades dele. Vou tirar um xerox dessas análises de poses antes de emprestar o livro...

    ResponderEliminar